Tag Archives: Investigação

Ao lado do pai, Neymar nega crime fiscal: “queremos dar um basta”


fonte: Divulgação


Ao lado do pai, Neymar nega crime fiscal: “queremos dar um basta”

Ao lado do pai, Neymar nega crime fiscal: “queremos dar um basta”

Acusados de fraude e sonegação fiscal em relação a transferência para o Barcelona, em 2013, Neymar e seu pai decidiram falar. Com depoimentos marcados para a próxima terça-feira (2), o jogador, acompanhado de seu pai concederam entrevista ao fantástico, da TV Globo, na noite deste domingo (31), e negaram que tenham cometido qualquer irregularidade.

  • Jornal destaca Zidane confiante e CR7 artilheiro; veja capasJornal destaca Zidane confiante e CR7 artilheiro; veja capas

  • Cleber Machado analisa o ano dos grandes paulistas Cleber Machado analisa o ano dos grandes paulistas

“A gente quer dar um basta nisso. Chega disso. Esse procurador, se está procurando holofotes, vai conseguir. A gente vai dar um basta nessa questão. Vamos esclarecer definitivamente isso. Eu queria que a justiça desse conta, mas a gente já está cansado e quer esclarecer o mais rápido possível”, declarou Neymar pai ao Fantástico.

Segundo publicação da revista Veja, Neymar e o pai teriam criado empresas de fachadas com o objetivo de adulterar documentos, driblando o fisco. Irritado com as acusações, o pai do atleta pediu que provem as insinuações contra sua família.

“Não tem nada contra a gente. Quero saber os fatos. Se a gente cometer algum erro tributário, não tem problema. Vamos pagar. Agora nos acusar de adulteração e sonegação, aí já passou dos limites”, afirmou.

O atacante do Barcelona ainda destacou que seu pai cuida de toda a sua carreira para que ele se foque em jogar futebol, e ressaltou conseguir se focar em seu trabalho mesmo sob tantos problemas. Ainda assim, Neymar afirmou que ver o nome de seu pai envolvido nas investigações atrapalham seu dia a dia.

“Meu pai faz tudo para que eu só jogue bola. A partir do momento que você vê a pessoa que você ama sofrendo com isso, falando coisas que ele não é… Aí começa a doer. Antes de sair falando besteira, sair falando que sonegamos, que prove”, disso o jogador.

“Quando começa a afetar a família, atrapalha um pouco, mas eu sou um cara que Deus me deu o dom de ser um pouco mais focado no que eu amo fazer, que é jogar futebol. Eu foco só no que eu tenho que fazer”, completou.

Continue reading

Em meio ao melhor momento da carreira, Neymar está enrolado fora de campo


fonte: e


Em meio ao melhor momento da carreira, Neymar está enrolado fora de campo

Em meio ao melhor momento da carreira, Neymar está enrolado fora de campo

O atacante Neymar atravessa a melhor fase de sua carreira, mas seus problemas fora de campo, com a Justiça, começam a se acumular. Ele é alvo de investigações no Brasil e na Espanha, por suspeita fraude fiscal e falsidade ideológica, entre outras acusações.

  • Santos joga mal e apenas empata com o São Bernardo Santos joga mal e apenas empata com o São Bernardo

  • Barça bate Atlético de virada e se consolida na liderançaBarça bate Atlético de virada e se consolida na liderança

O problema mais recente veio à tona esta semana. Neymar, seu pai, Neymar da Silva Santos, o ex-presidente do Barcelona Sandro Rosell e o atual, Josep Maria Bartomeu, foram denunciados pelo procurador-chefe do Ministério Público Federal em São Paulo, Thiago Lacerda Nobre, acusados de sonegação fiscal e falsidade ideológica. Os crimes têm penas de até cinco anos de prisão. A Justiça ainda decidirá se transformará o 

jogador e os outros três acusados em réus.

A revista Veja teve acesso ao processo, que corre na 5.ª Vara de Justiça de Santos. De acordo com a denúncia, o craque e seu pai criaram empresas de fachada e adulteraram documentos, com a finalidade de pagar menos impostos. Com esse artifício, a maior parte dos salários pagos pelo Santos a Neymar bem como os contratos de publicidade eram pagos a essas três empresas, o que resultava em redução superior a 50% do imposto a pagar.

Assim, entre 2010 e 2013, Neymar recebeu R$ 43,78 milhões do Santos, mas desse valor apenas R$ 8,1 milhões foram pagos a ele como pessoa física, como salários. Os contratos de publicidade renderam perto de R$ 75 milhões apenas em 2011.

Neymar e seus pares criaram três empresas, de acordo com a denúncia. Mas a investigação do MPF sustenta que há contratos das empresas com o Santos anteriores à criação delas.

NEGOCIAÇÃO – Em 2013, Neymar foi negociado com o Barcelona e a transação também está sendo investigada com atenção tanto no Brasil como na Espanha. Oficialmente, a ida do craque para o clube espanhol envolveu 57 milhões de euros. Mas o valor real teria chegado a pelo menos 83 milhões de euros.

Uma das empresas de Neymar, a N & N Consultoria, recebeu 10 milhões de euros do Barcelona em 2011 (na época o jogador ainda tinha contrato com o Santos) como se fosse um empréstimo, que não foi pago. Depois, a empresa ainda recebeu outros 30 milhões de euros, referentes à ida de Neymar para o Barça.

Essa negociação levará Neymar terça-feira à Corte espanhola para explicar a negociação. Ele é investigado por corrupção privada e fraude num processo aberto pela empresa DIS, que detinha parte dos direitos sobre Neymar quando ele jogava no Santos. A DIS pleiteia receber 40% do valor total da transação. Além disso, o fisco espanhol calcula que o jogador pode ter deixado de pagar cerca de 9 milhões de euros em impostos.

O pai de Neymar e a mãe, Nadine, também vão depor na Justiça espanhola. Os crimes de que Neymar é acusado podem resultar em até oito anos de prisão em caso de condenação. Na Espanha, Neymar enfrenta um processo cível e outro criminal.

Há duas semanas, Neymar e seu pai tiveram negado, pela Receita Federal, recurso interposto contra a cobrança de R$ 460 mil referentes a impostos não pagos no período de 2007 e 2008. 

Em setembro do ano passado, a Justiça Federal já havia bloqueado R$ 188,8 milhões das empresas do atacante, referentes ao valor que a Receita aplicou de multa por sonegação de impostos em valores recebidos do Santos.

Os responsáveis pela defesa de Neymar informaram na sexta-feira que ainda não haviam sido notificados sobre a denúncia feita pelo Ministério Público Federal junto à Justiça de Santos na quarta-feira.

Continue reading

Oposição do São Paulo pede que Ministério Público investigue o clube


fonte: Ana Cichon/Jovem Pan


Oposição do São Paulo pede que Ministério Público investigue o clube

Oposição do São Paulo pede que Ministério Público investigue o clube

Um grupo de 18 oposicionistas do São Paulo entregou ao Ministério Público de São Paulo (MP-SP) um requerimento para instaurar um Procedimento Investigatório Criminal (PIC), com o intuito de apurar irregularidades no clube. O material relembra as denúncias de irregularidades contra o ex-presidente Carlos Miguel Aidar, feitas no ano passado pelo vice de futebol Ataíde Gil Guerreiro.

  • Multicampeão pelo United, Vidic anuncia aposentadoria aos 34 anosMulticampeão pelo United, Vidic anuncia aposentadoria aos 34 anos

  • Neymar, Messi e R9: Ricardo Oliveira monta seu time dos sonhosNeymar, Messi e R9: Ricardo Oliveira monta seu time dos sonhos

Os oposicionistas pedem que sejam investigados os supostos crimes de lavagem de dinheiro e também contra o patrimônio do clube. Segundo o advogado responsável pela redação do requerimento, Marco Vinicio Petrelluzzi, o grupo quis acionar o MP por entender que apenas os trabalhos da Comissão de Ética do São Paulo não dariam conta de apurar possíveis irregularidades.

“Eles entendiam que as investigações não estavam andando adequadamente, sobretudo porque os órgãos internos do clube não tinham conduções materiais e atribuições para isso”, afirmou. Petrelluzzi afirma que entregou o requerimento ao MP na quinta-feira e que o órgão prometeu encaminhar o pedido a um grupo especial de apuração chamado Gedec, especializado em delitos econômicos.

O material dos conselheiros e sócios do clube cita como possíveis irregularidades na gestão de Aidar a contratação do zagueiro Iago Maidana, em operação que custou ao São Paulo pagar uma multa de R$ 100 mil, as acusações do áudio gravado por Ataíde em que o ex-presidente lhe oferece receber a comissão pela vinda de um reforço e ainda o acordo pelo fornecimento do material esportivo da Under Armour. O requerimento afirma que “a prática de vários ilícitos penais que devem ser apurados e punidos mediante a propositura de ação penal pública.”

Aidar renunciou ao cargo em outubro do ano passado e afirmou ao Estado que o material tem motivação política. O ex-dirigente disse não temer o requerimento. “Acho até ótimo, porque acaba de vez com a especulação, a nuvem escura que paira. Não tenho preocupação. Vou prestar esclarecimentos com prazer, caso seja necessário”, disse.

Na próxima semana, Aidar e Ataíde vão depor na Comissão de Ética do clube para explicarem dois assuntos. Um deles é a briga em que os dois se envolveram durante reunião da diretoria em hotel na capital paulista. O outro é a gravação feita por Ataíde durante conversa com o ex-presidente no estádio do Morumbi.

Continue reading

Benzema volta a depor em investigação de chantagem contra Valbuena


fonte: Facebook/Reprodução


Benzema volta a depor em investigação de chantagem contra Valbuena

Benzema volta a depor em investigação de chantagem contra Valbuena

O atacante Karim Benzema voltou a depor à justiça francesa nesta quinta-feira em meio às investigações do suposto caso de chantagem contra o meia Mathieu Valbuena com uma fita de conteúdo sexual, em um caso no qual o atleta do Real Madrid é alvo por cumplicidade.

  • Halterofilista paralímpico morre 5 dias após ouro em evento-testeHalterofilista paralímpico morre 5 dias após ouro em evento-teste

  • Fratus, Matheus Santana e mais nove pedem dispensa da Seleção de nataçãoFratus, Matheus Santana e mais nove pedem dispensa da Seleção de natação

Benzema prestou depoimento à juíza de instrução de Versalhes Nathalie Boutard, segundo o jornal “Le Parisien”, que ressaltou que não foram divulgadas informações sobre a sessão e que o advogado do atleta não quis fazer comentários.

De acordo com o periódico, Nathalie pretende organizar uma acareação entre os cinco acusados nos próximos dias. Pelo menos até então, Benzema continuará sob controle judicial e não poderá contato com Valbuena.

O atacante já tinha se apresentado à juíza em 20 de novembro, quando declarou que sua intermediação no caso foi “um grande mal-entendido”.

Continue reading

Procurador cria força-tarefa para investigar deputado Fernando Capez (PSDB)


fonte: Bruna Piva/ Jovem Pan


Procurador cria força-tarefa para investigar deputado Fernando Capez (PSDB)

Procurador cria força-tarefa para investigar deputado Fernando Capez (PSDB)

O procurador-geral de Justiça, Marcio Fernando Elias Rosa, criou uma força tarefa para investigar denúncias de envolvimento do presidente da Assembleia Legislativa de São Paulo, deputado Fernando Capez (PSDB), em esquema de fraudes da merenda escolar desmontado na Operação Alba.

O grupo será presidido pelo próprio chefe do Ministério Público do Estado e terá a participação dos procuradores Nelson Gonzaga, ex-corregedor-geral do MP, Nilo Spinola Salgado Filho e dois promotores de Bebedouro, no interior paulista, sede da COAF – cooperativa onde se teria instalado organização criminosa que, segundo a investigação, distribuía propinas a agentes públicos no valor de até 25% sobre contratos de venda de produtos agrícolas para a merenda.

Capez é citado em vários depoimentos de investigados da Operação Alba, deflagrada na semana passada pela Polícia Civil e pelo Ministério Público.

  • Investigados ligam Fernando Capez a propinas em esquema de merenda escolarInvestigados ligam Fernando Capez a propinas em esquema de merenda escolar

  • “Tem que fazer uma reforma constitucional”, diz Fernando Capez“Tem que fazer uma reforma constitucional”, diz Fernando Capez

Um assessor e um ex-assessor de Capez também são citados: Luiz Gutierrez, o Licá, do grupo de confiança e cabo eleitoral do presidente da Assembleia, e Jeter Rodrigues – que o deputado disse ter demitido.

Um assessor de confiança de Edson Aparecido, secretário da Casa Civil do governo Geraldo Alckmin (PSDB), é outro alvo da investigação. Luiz Roberto dos Santos, o Moita, foi afastado da assessoria de Aparecido um dia antes de a operação ser deflagrada.

A competência para investigar o caso é do procurador-geral de Justiça porque Fernando Capez é procurador de Justiça de carreira e deputado. Elias Rosa não está tirando o inquérito das mãos dos promotores da Comarca de Bebedouro. O procurador-geral quer manter no caso os promotores que iniciaram a apuração. Com essa parceria ele afasta especulações de que iria interferir em um episódio que envolve um colega de carreira.

O procurador-geral pretende ainda adotar a mesma estratégia da Operação Lava Jato com relação a competência sobre inquérito que cita parlamentar federal – alvos da Operação Alba Branca apontaram o nome do presidente estadual do PMDB, Baleia Rossi, que é deputado federal. Na Lava Jato a parte que envolve políticos com foro privilegiado ficou sob responsabilidade do Supremo Tribunal Federal. O restante ficou nas mãos do juiz Sergio Moro, em Curitiba.

Elias Rosa vai manter sob atribuição da Promotoria de Bebedouro a fatia da Alba Branca que cita empresários, lobistas e servidores públicos. Sob sua responsabilidade, manterá a investigação sobre Capez e prefeitos.

“Vou pedir aos promotores colegas da Comarca de Bebedouro compartilhamento dos dados do inquérito da Alba Branca”, disse o procurador-geral.

Capez e Baleia negam envolvimento na fraude da merenda.

Continue reading