Por melhores salários, coletores de lixo entram em greve em Cascavel

Luiz Haab


Coletores de lixo pretendem manter apenas 30% dos serviços (Foto: CGN)Coletores de lixo pretendem manter apenas 30% dos serviços
(Foto: CGN)
Funcionários encarregados pela coleta de lixo em Cascavel, no oeste do Paraná, anunciaram que estão em greve a partir da noite desta sexta-feira (14). A decisão foi tomada em uma assembleia realizada na tarde desta sexta, em frente à Engelétrica, empresa contratada pela prefeitura para fazer a limpeza da cidade.
Segundo Angela Maria de Oliveira, secretária do sindicato da categoria, o movimento já tem adesão de 70% dos coletores. “São pelo menos 130 trabalhadores em greve. Vamos manter apenas 30% do serviço, que é o que determina a lei.”
Ainda de acordo com a sindicalista, a paralisação vai afetar não só o recolhimento do lixo doméstico, mas também o serviço de roçada de terrenos públicos e canteiros de ruas e avenidas.
Os trabalhadores cobram aumento de 20% do vale-refeição, do acréscimo por assiduidade e do piso salarial, que hoje é de R$ 844,00. Além disso, eles querem a implantação de plano de saúde.

A Engelétrica já havia oferecido reajuste de 9,53%, mas os trabalhadores não aceitaram. 
Fonte:G1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.