Polícia prende suspeitos de matar casal na Região Metropolitana de BH

Foto de Sandra Pompermayer de Araújo foi divulgada pela Polícia Civil. (Foto: Pedro Ângelo/G1)Suspeitos de matar Sandra Pompermayer  e Jardel
Madeira são presos  (Foto: Divulgação/Polícia Civil)
Três suspeitos de envolvimento na morte do casal Jardel Alves Madeira e Sandra Pompermayer foram presos, nesta segunda-feira, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. De acordo com o delegado Wagner Pinto, chefe do Departamento de Investigação de Homicídios e Proteção à Pessoa (DIHPP), entre os detidos está um bombeiro. Os namorados sumiram no fim do ano passado, e os corpos foram encontrados, em janeiro, em uma estrada que liga Sabará e Caeté.

A Polícia Civil ainda não divulgou detalhes do crime, como a motivação e as circunstâncias em que o assassinato ocorreu. Entretanto, a corporação informou que está em processo de conclusão das investigações sobre o homicídio do casal, e uma entrevista coletiva foi agendada para esta quarta-feira (12).

O caso
Sandra morava em Belo Horizonte havia três anos, segundo a família. Ela e o namorado foram vistos pela última vez no dia 29 de dezembro, na Região de Venda Nova, na capital mineira.

O caso começou a ser a investigado depois que a família da mulher deu queixa sobre o desaparecimento do casal. À época, o ex-marido de Sandra informou ao G1 que ela estava com o novo companheiro havia cerca de quatro meses.

Os corpos foram localizados na MGT-262 e identificados após série de exames feitos no Instituto Médico-Legal (IML).
Fonte:G1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.