No 300º jogo pelo Milan, Kaká faz dois em goleada sobre o Chievo

A atuação de Kaká na goleada por 3 a 0 sobre o Chievo, neste sábado, no San Siro, foi digna da idolatria que tem no clube. Em seu 300º jogo pela equipe rossonera, o meia marcou duas vezes e saiu ovacionado pelo torcida no segundo tempo. O outro gol do time comandado por Seedorf foi do atacante Balotelli, logo no início do jogo. Os visitantes ainda perderam um pênalti no último minuto. O francês Théréau acertou o travessão antes de o árbitro apitar o fim da partida. A vitória é a segunda seguida, e já são três jogos sem perder, o que espanta momentaneamente a crise na equipe.
O gol que abriu o placar saiu cedo, aos três minutos de jogo. Quando os dois times ainda estudavam a partida e o adversário, Balotelli recebeu cruzamento do francês Ramie e escorou para dentro: 1 a 0. Após o gol, o rubro-negro italiano foi para cima e quase ampliou em seguida. Aos seis, Taarabt arriscou um chute da entrada da área, mas o goleiro Agazzi jogou para escanteio.
Kaká comemora, Lazio x Milan (Foto: AP)Kaká comemora um dos seus dois gols na vitória sobre o Chievo (Foto: AP)

Kaká começou o seu show à parte aos 27. O japonês Honda lançou da direita, o camisa 22 matou no peito e já dentro da pequena área fez o primeiro. O brasileiro apareceu comandando o time no meio de campo, criando jogadas e organizando o setor durante todo o tempo em que esteve em campo. Aos 37 da etapa inicial, Balotelli encontrou Honda dentro da área, mas o japonês chutou mal e perdeu uma chance clara de ampliar.
Aos 18 do segundo tempo, Kaká voltou a brilhar. Ele recebeu passe na esquerda, cortou para o meio e acertou um belo chute no ângulo. Um golaço, o 104º com a camisa do clube. Aos 28 da etapa final, Kaká recebeu o carinho da torcida quando foi substituído por Robinho. Ele foi aplaudido e ouviu cantos da torcida em sua homenagem.
Balotelli, Milan x Chievo (Foto: Getty Images)Balotelli marca o primeiro na vitória do Milan sobre o Chievo, por 3 a 0 (Foto: Getty Images)
No fim do jogo, o Chievo poderia ter descontado. O francês Théréau, que entrou no segundo tempo, perdeu um pênalti nos acréscimos. Ele bateu forte e a bola explodiu no travessão, segundos antes de o árbitro apitar o fim da partida.
Após uma sequência de cinco derrotas seguidas, o que fez o técnico Seedorf ter seu cargo ameaçado, o Milan se recupera e já está com uma sequência de três jogos sem perder. A equipe rossonera venceu a Fiorentina fora de casa, por 2 a 0, e antes havia empatado com o Lazio, também como visitante, por 1 a 1. Na próxima rodada, Kaká e seus companheiros enfrentam o Genoa, fora de casa.
Fonte:Globoesporte.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.