Globo perde atriz brasileira de maior sucesso internacional para seriado norte-americano, Confira!

A atriz brasileira mais bem-sucedida na TV americana, Morena Baccarin dificilmente fará sua estreia na televisão brasileira desta vez. Sem uma definição de quando irá gravar a série “Dupla Identidade”, da autora Glória Perez, a Globo perdeu a chance de ter Morena em seu casting. A atriz, que ganhou destaque ao atuar nas séries “V” e “Homeland”, aceitou ser a protagonista do seriado sobre serial killers. Mas a Globo vacilou, e Morena acabou assinando contrato para fazer um drama médico na rede de teevisão norte-americana ABC.

Glória Perez e o produtor de elenco da Globo Chico Accioli conversaram com Morena em janeiro. A autora conta o que aconteceu: ”Ela estava inteiramente disponível. Leu o projeto, gostou  e curtiu muito a ideia de vir ao Brasil por uma temporada. Ela tem família aqui e acabou de ganhar um bebê. A Globo entrou em contato e tudo estava se acertando. O problema é que não conseguíamos definir os prazos da gravação. E, no decorrer dessa indefinição, pintou outro convite, ela assinou para fazer o piloto de uma série por lá. A possibilidade ficou remota, mas ainda existe: dependemos agora de que seja possível conciliar [as gravações da série com a agenda de Morena]“, conta Glória Perez.

O piloto o qual Glória Perez se refere é “Warriors”, drama que mostrará como um hospital militar norte-americano trata os soldados que voltam da guerra. Morena interpretará Tory Sterling, uma soldado e médica psiquiatra que passa nove meses no Afeganistão e tem dificuldades em seu retorno aos Estados Unidos.

Na série da Globo, Morena faria uma policial que investiga um serial killer. A indefinição que tirou Morena de “Dupla Identidade” durou apenas algumas semanas. A emissora carioca já tem o calendário de gravações da série de Glória Perez, mas ele não bate com a agenda de Morena. Se “Warriors” emplacar, poder esquecer.

Morena fez recentemente um dos principais papéis da série premiada, “Homeland”, que chegou a ser exibida nas madrugadas da Globo neste ano. Ela interpretava Jessica Brody, mulher do sargento Nicholas Brody (Damian Lewis), que foi capturado no Iraque e dado como morto, mas ressurgiu após oito anos sob a suspeita de ter se tornado um agente da Al Qaeda.

A atriz também fez participações em “The Good Wife” e “The Mentalist”. Foi a estrela da nova versão de “V” (2009-2011), exibida no Brasil pelo Warner Channel. Ela nasceu no Rio de Janeiro, de pais brasileiros, mas cresceu em Nova York.

Com informações do jornalista Daniel Castro.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.