Em noite de homenagens, Auto vence o Santa e está na semi do Paraibano

Homenagem torcida do Auto, Tibério Barreto (Foto: Hévilla Wanderley / GloboEsporte.com/pb)Jogadores e torcedores homenageiam Tibério Barreto (Foto: Hévilla Wanderley / GloboEsporte.com/pb)
A noite desta quarta-feira foi de emoção, homenagens e futebol no Estádio Almeidão. Os jogadores do Auto Esporte entraram em campo com camisas e uma faixa em homenagem ao professor Tibério Barreto, que morreu no último domingo após cair no fosso do estádio ao comemorar um gol do Alvirrubro. Os atletas do Santa Cruz de Santa Rita se uniram aos do Macaco Autino e, juntos, todos rezaram antes de a bola rolar. Em campo, o Auto fez 3 a 1 e garantiu a classificação antecipada para a semifinal do Campeonato Paraibano.
Agora, o Alvirrubro joga no próximo domingo contra o CSP, precisando apenas de um empate para ficar na primeira colocação e conquistar o título simbólico da primeira fase. Já o Santa Cruz pega o Sport Campina e ainda precisa de um ponto para escapar do rebaixamento ou torcer para a Queimadense tropeçar contra o Campinense.
Auto joga melhor e abre boa vantagem
O Auto Esporte entrou em campo motivado a dedicar a vitória à memória do torcedor Tibério Barreto, mas também determinado a garantir por antecipação a vaga na semifinal do Paraibano. E desde o começo do jogo foi melhor em campo. Logo aos cinco minutos, o primeiro gol. Beto avançou pela esquerda e acionou Josimar, que dominou, invadiu a área e tocou na saída de Léo Russo para colocar o Alvirrubro à frente no placar.
Auto Esporte x Santa Cruz-PB, no Estádio Almeidão (Foto: Hévilla Wanderley / GloboEsporte.com/pb)Auto Esporte x Santa Cruz-PB, no Estádio Almeidão (Foto: Hévilla Wanderley / GloboEsporte.com/pb)
O gol de vantagem deu mais tranquilidade ao Auto e deixou o Santa Cruz mais perdido em campo. O Macaco Autino seguiu em cima, pressionando, buscando a vitória. E ela ficou mais perto aos 18 minutos. Foi quando Gustavo cobrou falta com força e venceu o goleiro Léo Russo, ampliando para o Alvirrubro.
E a situação do Santa piorou aos 20 minutos, quando Deivinho fez falta dura em Danilo Itaporanga e foi expulso. Com um a mais em campo, o Auto Esporte seguiu dominando e levando perigo ao ataque e Léo Lima e Mael assustaram o goleiro Léo Russo em duas finalizações, mas não conseguiram mais mexer no placar.
Santa melhora e jogo fica equilibrado
Na volta do intervalo, o Santa Cruz nem parecia continuar com um a menos em campo. Em alguns momentos, o Tricolor chegou a pressionar o Alvirrubro e conseguiu diminuir a desvantagem logo aos cinco minutos. Jhony aproveitou rebote da defesa alvirrubra e mandou para as redes de Rodrigues. Auto 2, Santa 1.
O Alvirrubro até tentou retomar o domínio da partida, mas o Tricolor seguiu levando perigo ao gol de Rodrigues. Como aos 25 minutos, quando Jhony cobrou falta direto e carimbou o poste, e três minutos depois, quando o meia forçou o arqueiro do Auto a salvar nas pontas dos dedos.
Rodrigues, goleiro do Auto Esporte (Foto: Hévilla Wanderley / GloboEsporte.com/pb)Goleiro Rodrigues comemora classificação com a torcida do Auto (Foto: Hévilla Wanderley / GloboEsporte.com/pb)
Mas o Auto soube se defender e ainda aproveitou um contra-ataque, no fim do jogo, para ampliar. Aos 44, Léo Olinda puxou o contra-golpe e encontrou Josimar na área. O camisa 9 alvirrubro bateu de primeira, marcou seu segundo na partida e confirmou a festa. A torcida alvirrubra estava feliz. E gritava “Uh, classificado!”. Mas também estava triste. E gritou o nome de Tibério Barreto ao fim do jogo.
AUTO ESPORTE 3 X 1 SANTA CRUZ
Rodrigues, Gustavo, Camutanga, Laerson e Danilo Itaporanga; Gil Pernambucano, Gil Paraíba (Léo Olinda), Léo Lima (Jó Boy) e Mael; Beto (Nal) e Josimar.
Léo Russo, Deivinho, Júnior Maceió (Tércio), Maceió e Eduardo Guarabira; Marcílio (Pelado), Ivan, Carlinhos (Têmisson) e Jhony; Ricardinho e Tácio.
Técnico: Jazon Vieira.
Técnico: Wamberto Firmino.
Gols: Josimar aos 5, Gustavo aos 18 minutos do 1º tempo. Jhony aos 5, Josimar aos 44 minutos do 2º tempo.
Cartões amarelos: Gil Pernambucano, Mael (Auto Esporte); Maceió, Tácio, Júnior Maceió, Deivinho (Santa Cruz). Cartão vermelho: Deivinho (Santa Cruz).
Local: Estádio Almeidão, em João Pessoa-PB. Competição: Campeonato Paraibano 2014 (12ª rodada da 1ª fase). Arbitragem: João Bosco Sátiro, auxiliado por Broney Machado e Luís Antônio.
Fonte:Globoesporte.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.