Em jogo de goleadores, Mecão bate Corintians-RN, mas fica sem título

América-RN e Corintians-RN fizeram um jogo emocionante na tarde deste domingo, na Arena das Dunas, em Natal. O alvirrubro conseguiu a vitória por 4 a 3, mas ficou sem o título do primeiro turno do Campeonato Potiguar. Adriano Pardal marcou três para o Mecão e Ebinho fez três gols para o time de Caicó. Arthur Maia, de pênalti, garantiu a vitória alvirrubra.
Adriano Pardal comemora o terceiro gol do América-RN (Foto: Klênyo Galvão)Adriano Pardal comemora o terceiro gol do América-RN (Foto: Klênyo Galvão)

Com a vitória, o Mecão chegou a 13 pontos, mas terminou na segunda colocação. Foi superado pelo campeão Globo FC apenas no saldo de gols. O Corintians terminou o turno na sexta posição, com oito pontos.
Parecia fácil
Jogando em casa com o apoio da torcida, o América-RN dominou o primeiro tempo do jogo. E o nome da partida foi Adriano Pardal. O atacante marcou três gols em menos de 10 minutos e deixou o Mecão na vantagem. Aos 39 minutos, Pardal recebeu cruzamento de Arthur Maia pela esquerda e se esticou todo para empurrar a bola para a rede. O segundo gol veio aos 43 minutos, quando Adriano Pardal chegou na velocidade e tocou no cantinho do goleiro Hudson. Já nos acréscimos, Fabinho foi até a linha de fundo para cruzar e a bola sobrou para Pardal na pequena área, que driblou o zagueiro e com tranquilidade tocou para o fundo das redes, fazendo o terceiro gol dele na partida.
Três pra lá, três pra cá
América-RN x Corintians-RN, Arena das Dunas (Foto: Divulgação)Antes do jogo, equipes se reuniram em mensagem contra o racismo (Foto: Divulgação)
Se Adriano Pardal marcou três no primeiro tempo, o Corintians tinha Ebinho, que também balançou as redes três vezes no segundo tempo. O primeiro veio aos 13 minutos. Ebinho invadiu a área pela direita e tocou na saída do goleiro Dida. De pênalti, Arthur Maia fez o quarto gol do América.
O volante Fabinho meteu a mão na bola, levou o segundo cartão amarelo e foi expulso. Com um a mais, o Galo do Seridó cresceu no jogo e Ebinho fez mais dois. Primeiro pela direita, o jogador encheu o pé de fora da área, a bola bateu no travessão e morreu dentro do gol. Aos 36 minutos, Ebinho arrancou pela esquerda e mandou para o fundo da rede mais uma vez.
Fonte:globoesporte.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.