Dagoberto perde pênalti, e Defensor bate Cruzeiro no Uruguai

O Cruzeiro foi nesta terça-feira ao Estádio Luis Franzini, em Montevidéu, Uruguai, enfrentar o Defensor em confronto direto pela liderança do Grupo 5 da Copa Libertadores da América. O atual campeão brasileiro encontrou um adversário bem organizado e acabou derrotado por 2 a 0, segundo revés sofrido pelos mineiros na competição continental. O brasileiro Gedoz fez os dois dos uruguaios, enquanto Dagoberto perdeu um pênalti quando o time mandante vencia por um gol de diferença.
Com o resultado, o Cruzeiro caiu para a segunda posição da chave, com três pontos. Os uruguaios, que, assim como o time brasileiro, haviam goleado na segunda rodada, assumiram a liderança do grupo, com seis.
A partida teve um início truncado, com poucas chances de gol criadas por ambas as equipes. Na maioria delas os jogadores tentaram finalizações despretensiosas, que não deram trabalho aos goleiros Fábio e Campaña. Na etapa inicial, o lance mais perigoso ocorreu aos 45min, quando o Defensor acertou a trave do Cruzeiro e Bruno Rodrigo bloqueou uma finalização para evitar o gol no rebote.
O começo do segundo tempo pareceu uma reprise do primeiro, com uma leve vantagem do Cruzeiro, que partiu para cima para buscar a vitória. O Defensor, no entanto, foi quem abriu o marcador aos 18min com o brasileiro Felipe Gedoz, que cobrou falta da altura da meia lua no ângulo esquerdo de Fábio, que nem se mexeu. O lance foi originado de um contra-ataque interrompido por uma infração de Egídio, que levou o cartão amarelo na jogada.
Aos 22min, Everton Ribeiro deu belo lançamento na direção de Ricardo Goulart, que foi para a jogada de cabeça e acabou atingido na cabeça por Arias. O árbitro assinalou pênalti, deu o segundo amarelo para o defensor, mas Dagoberto desperdiçou a chance ao chutar à direita do gol de Campaña.
Com um a mais em campo, o Cruzeiro foi para cima e acabou punido no contra-ataque, aos 32min. Arrascaeta iniciou a jogada com dois chapéus na intermediária defensiva e enfiou em profundidade para Gedoz, que tocou na saída de Fábio para ampliar.
O Cruzeiro retorna aos gramados pela Copa Libertadores no próximo dia 20 de março, quando receberá o Defensor em partida válida pela quarta rodada do Grupo 5.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.