Crimes violentos contra patrimônio crescem na região de Piracicaba, SP

Piracicaba (SP) registrou no primeiro bimestre de 2014 um aumento de 38,7% nos roubos, que são crimes contra o patrimônio da vítima e com uso de violência ou ameaça. Nos dois primeiros meses de 2013, a cidade teve 248 ocorrências dessa natureza, incluindo roubos de cargas e a bancos, e o número subiu para 344 neste ano, conforme dados divulgados nesta terça-feira (25) pela Secretaria de Segurança Pública (SSP) do estado de São Paulo.
Na vizinha Limeira (SP), a quantidade de casos cresceu 8,5%, passando de 213 para 231. As ocorrências específicas de roubos de veículos, também apresentaram alta nos dois municípios. Em Piracicaba, esse tipo de violência subiu 16,2% no primeiro bimestre deste ano na comparação com o mesmo período de 2013. O aumento foi de 9% em Limeira, também conforme as informações da SSP.
Enquanto essas práticas com uso de violência ou ameaças às vítimas aumentaram, os furtos, que também são crimes contra o patrimônio, mas sem coação, tiveram queda em Piracicaba. A cidade registrou 853 furtos no primeiro bimestre do ano passado e, neste ano, foram 662 ocorrências, uma redução de 22,4%, conforme o governo estadual. Furtos de veículos no município caíram de 255 para 227 registros (-10,9%).
Corpo de um dos mortos em operação policial em Piracicaba é levado para o IML (Foto: Reprodução / EPTV)Homem morreu em fevereiro durante ação da
PM em Piracicaba (Foto: Reprodução/EPTV)
Já em Limeira, tanto os furtos em geral quanto os de veículos cresceram, ultrapassando inclusive a alta dos roubos na cidade. Foram 646 ocorrências de furtos neste ano, 23% a mais que em 2013. Os casos de veículos furtados subiram 44,8% na comparação entre os dois períodos, chegando a 294 registros em fevereiro de 2014 no município.
Homicídios e estupros
Piracicaba registrou seis homicídios nos dois primeiros meses deste ano, um a mais que no período de 2013. O número de estupros na cidade caiu de cinco para dois. Em Limeira não houve assassinatos registrados pela polícia em janeiro e fevereiro do ano passado. Nos mesmos meses de 2014 foram quatro ocorrências desta natureza. Foram 16 estupros no município neste ano, um a menos que em 2013.
Fonte:G1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.