Coordenadoria transfere 70 presos após motim na Grande Natal

Os 70 presos amotinados foram contidos com balas de borracha e bombas de efeito moral em Macaíba, RN (Foto: Anderson Barbosa/G1)Os 70 presos amotinados foram contidos com
balas de borracha e (Foto: Anderson Barbosa/G1)
Os 70 presos que participaram de um motim na tarde desta sexta-feira (14) no Centro de Detenção de Macaíba, na Grande Natal, serão transferidos para a Penitenciária Estadual de Alcaçuz, em Nísia Floresta, também na região metropolitana. A informação foi confirmada pelo coordenador de Administração Penitenciária, major Castelo Branco. “Foram levados para um setor de segurança e ficarão lá até que a unidade de Macaíba seja reformada”, explica. Durante o motim as sete celas do andar superior do CDP foram quebradas pelos detentos.

O centro de detenção custodia atualmente aproximadamente 100 detentos, segundo o coordenador de Administração Penitenciária. O major Castelo Branco explica que não há causa aparente para o motim. “Água, alimentação e as saídas para médico e audiências estão normais. Acreditamos que a revolta aconteceu porque a direção detectou que cinco ou seis presos estavam tentando impor a posição deles na unidade”, afirma.
O oficial de operações do 11º Batalhão da PM, tenente Pedro Azevedo, conta que o prédio foi cercado e nenhum detento conseguiu fugir. “Os presos tentaram escapar danificando grades das celas”, conta. Com a PM do lado de fora, o major Castelo Branco acrescenta que o Grupo de Operações Especiais (GOE) e o Grupo de Escolta Penitenciária (GEP) entraram no CDP. Foram usadas balas de borracha e bombas de efeito moral na contenção do motim. “Nenhum preso precisou ser encaminhado para unidade médica”, diz Castelo Branco.

A reforma do Centro de Detenção de Macaíba deve ser iniciada nesta segunda-feira (17), segundo informou a Coordenação de Administração Penitenciária (Coape).
Fonte:G1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.