Com Pedro Carmona inspirado, Náutico goleia o Porto em Caruaru

Com apenas um minuto de jogo, no estádio Luiz Lacerda em Caruaru, o Náutico viu o Porto abrir o placar. Mas o time alvirrubro conseguiu se recuperar do susto e bateu o adversário por 4 a 1, conquistando uma vitória que recolocou o Timbu no topo da tabela de classificação, porém com um jogo a mais que os demais adversários. Já o Porto permanece em situação delicada, ocupando a lanterna do hexagonal do título estadual.
Após uma boa jogada iniciada pelo atacante Kiros, Thaciano marcou o gol do Porto. De pênalti, Elicarlos empatou e, ainda no primeiro tempo. Aí começou a brilhar a estrela do artilheiro Pedro Carmona. O meia alvirrubro fez o gol da virada ainda na etapa inicial e voltou a marcar mais duas vezes no segundo tempo, chegando aos seis gols com a camisa do Náutico. É o artilheiro Timbu.
Com a vitória o Náutico reassumiu momentaneamente a liderança do Hexagonal do Campeonato Pernambucano, posição que pode ser recuperada pelo Sport, que enfrenta o Central neste domingo, também em Caruaru. O Timbu volta a entrar em campo pelo estadual, no domingo, dia 16, contra o Central, na Arena Pernambuco. Já o Porto pega o Santa Cruz no sábado, às 19:30h, no Arruda.
Porto x Náutico Elicarlos Pedro Carmona (Foto: Aldo Carneiro / Pernambuco Press)Elicarlos e Pedro Carmona marcam os gols do Náutico na partida (Foto: Aldo Carneiro/Pernambuco Press)
Foi na base do susto que o Náutico iniciou o jogo no Lacerdão. O time mal tinha se organizado em campo e, com apenas um minuto, com uma descida do atacante Kiros pela direita, a bola ficou com Felipe Almeida que tocou para Thaciano mandar para a rede.  Com o Porto na frente no placar, o time alvirrubro precisou buscar o domínio do jogo e foi para cima do adversário. Marcelinho e Luiz Alberto já tinham tido boas oportunidades quando, aos 12 minutos, Pedro Carmona, entrou na área e foi puxado por Evandro. Pênalti marcado e cobrado com categoria por Elicarlos, para empatar o jogo no Lacerdão.
Com tudo igual novamente no placar, o jogo ficou equilibrado. Aproveitando as falhas de marcação da equipe do Náutico, o Porto criou algumas oportunidades, principalmente explorando a estatura do atacante Kiros. Após receber um bom cruzamento, o grandalhão subiu mais alto que todo mundo para mandar, de cabeça, uma bola na trave.  Novo susto para o Náutico que tratou de buscar uma maior tranquilidade na partida. No minuto seguinte, Pedro Carmona recebeu um belo passe de Marcos Vinícius, para virar o placar e marcar o seu quarto gol com a camisa do Náutico.
Carmona sacramenta a vitória timbu
No segundo tempo, o Náutico teve a vitória por várias vezes ameaçada pelo time do Porto, que voltou mais agressivo, levando perigo à meta do goleiro Alessandro. Em uma das chances mais claras, o volante Marcelinho mandou de longe e a bola explodiu no travessão. Cosme e Thaciano também tiveram boas oportunidades.
Explorando os contrataques, foi o Náutico quem voltou a marcar, de novo com Pedro Carmona, aos 27 minutos, após uma bela tabela entre Hugo e Paulo Júnior, que haviam entrado no segundo tempo da partida. A bola foi passada para Carmona que, mais uma vez, não desperdiçou. E aos 43 minutos, aproveitando o cruzamento de Paulo Júnior, o meia alvirrubro chegou ao terceiro gol dele no jogo, garantindo o resultado para o Náutico, que chega à terceira vitória no Campeonato Pernambucano.
Fonte:Globoesporte.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.