Cheia do Madeira pode atingir estação de tratamento de água, em RO

A enchente histórica do Rio Madeira, em Rondônia, ameaça a rede de tratamento de água de Porto Velho e outros municípios. Segundo a Companhia de Água e Esgoto de Rondônia (Caerd), um muro já foi reforçado na rede de abastecimento para evitar interrupção do serviço. A barreira de contenção com uma grande chapa de ferro e sacos de areia, feita no início do mês de março, não foi suficiente pra conter a força da água do Madeira. Neste domingo (9), segundo a Agência Nacional de Águas (ANA), o nível do rio chegou a 19 metros.
A solução encontrada pela empresa pra evitar o desabastecimento de Porto Velho foi a construção de um muro de proteção com pedras  pra tentar impedir que o banzeiro (ondas formadas pela correnteza do rio) invada o motor bomba da principal rede de abastecimento da cidade, que há quase 10 dias opera no limite. De lá sai o fornecimento de 60% da cidade, são 660 litros de água por segundo. O restante é feito por unidades independentes.
Embora a situação atual esteja controlada, segundo a Caerd, o problema ainda é considerado preocupante pelos técnicos, já que o nível do Rio Madeira continua a subir. Caso ele ultrapasse a marca de 19,15 metros, o desabastecimento de algumas cidades como Abunã e Nova Mamoré pode acontecer. Para evitar mais prejuízos, a parte de alvenaria da estação de tratamento de Abunã está sendo levantada pra evitar que ela fique submersa.
Devido ao impacto da cheia, algumas localidades exigem mais atenção, porque as unidades de produção foram afetadas. A situação está sendo monitorada diariamente pela caerd, que também prevê outras alternativas pra evitar que o abastecimento seja comprometido. “Têm algumas soluções que nós estamos adotando, como por exemplo, utilizar como alternativa o Rio Bate Estaca. Então nós estamos adotando soluções para poder reativar e dar um aumento de produção utilizando o Bate Estaca”, afirma o diretor operacional da Caerd em Porto Velho, Nelson Marques.
Fonte:G1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.