Casos suspeitos de dengue triplicam em um mês em Campo Belo, MG

Entre os meses de fevereiro e março deste ano, os casos suspeitos de dengue triplicaram em Campo Belo (MG), subindo de 300 para quase mil notificações. Por dia, são atendidas em média 130 pessoas com a suspeita da doença no pronto atendimento da cidade, que já tem 500 casos confirmados de dengue.
A situação é considerada grave pelas autoridades. A cidade ficou em 12º lugar no Estado de Minas Gerais em número de focos de dengue, segundo a Secretaria Estadual de Saúde. É difícil encontrar alguém da cidade que não tenha um conhecido ou parente com dengue. O padeiro Leandro Rosa de Oliveira procurou atendimento médico e demorou uma semana para se recuperar da doença. “Eu tive dengue e fiquei 10 dias afastado do trabalho. Meu pai também teve a doença depois de mim”, conta.
Com o crescimento da procura pelo pronto atendimento, uma tenda foi montada do lado de fora do prédio para atender exclusivamente os casos de suspeita de dengue. No ano passado, Campo Belo registrou 588 casos confirmados de dengue.
Casos suspeitos de dengue triplicam em um mês em Campo Belo (Foto: Carlos Cazelato / EPTV)Tenda montada fora do pronto atendimento atende exclusivamente casos de dengue (Foto: Carlos Cazelato / EPTV)
Força-tarefa
Para tentar controlar a situação, a Prefeitura de Campo Belo pediu ajuda à Fundação Nacional de Saúde (Funasa). Em 10 dias de trabalho do órgão no município, 700 sacos de lixo com entulhos e vasilhas foram retirados das casas. Os agentes percorreram todos os bairros do município.
A Funasa também convocou a população para trocar possíveis objetos de proliferação e depósito de ovos por latas de óleo de cozinha.
Fonte:G1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.