Bruno Chocolate marca duas vezes e Sampaio goleia o Cordino

Sem dificuldades, o Sampaio goleou o Cordino, vencendo por 5 a 1 na tarde desta quinta-feira, no primeiro jogo da semifinal do segundo turno. Bruno Chocolate foi o destaque do jogo com dois gols marcados, enquanto Arlindo Maracanã, Junior Chicão e Uillian Corrêa completaram a vitória Tricolor, enquanto Michel descontou para os donos da casa.
Ainda no primeiro tempo, Ulisses teve dois gols anulados por irregularidades. Com a goleada, o Sampaio será eliminado somente se for goleado por cinco gols de diferença na partida de volta, que será realizada na próxima segunda-feira, às 20h15 no Castelão.
Sampaio na frente e dois gols anulados
O Sampaio tentou manter seu favoritismo, dominando o jogo no primeiro tempo, mas o Cordino também se arriscava no ataque. Apesar disso, foi o Tricolor que saiu na frente, aos 18 minutos, quando Bruno Chocolate recebeu a bola e abriu o placar no Leandrão.
Mesmo atrás no placar, o Cordino se arriscava no ataque. Nos oito minutos finais dois lances polêmicos marcaram o jogo. Aos 43 e aos 48, Ulisses balançou as redes, mas os dois gols foram anulados. No primeiro lance a arbitragem apontou impedimento e no lance do segundo gol foi flagrada uma falta do jogador.
Sampaio massacra o Cordino
Como o Cordino não conseguiu reagir, o Sampaio voltou ao segundo tempo disposto a finalizar o jogo. Logo aos quatro minutos, Bruno Chocolate marcou o segundo do Tricolor. A pressão foi mantida e aos 21, o zagueiro tentou desviar a bola da área do Cordino, mas tocou com a mão. A arbitragem marcou a penalidade e Uillian Corrêa fez o terceiro do Sampaio.
Com a vitória assegurada, o Tricolor teve calma para ampliar o marcador. Aos 30 minutos, Junior Chicão recebeu na entrada da área e acertou uma belo chute: 4 a 0. No lance seguinte, Arlindo Maracanã aproveitou o vacilo do Cordino na saída de bola e marcou o quinto do Sampaio. No minuto final, Michel ainda fez um gol de falta, mas não adiantou para ensaiar uma reação dos donos da casa.
Fonte:Globoesporte.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.