Botafogo-PB sofre no Almeidão, mas vence de virada o Santa-PB por 3 a 2

Santa Cruz x Botafogo-PB, Estádio Almeidão (Foto: Hévilla Wanderley / GloboEsporte.com/pb)Botafogo comemora um dos gols da vitória (Foto: Hévilla Wanderley / GloboEsporte.com/pb)
Foi difícil. Bem mais do que o previsto. Mas o Botafogo-PB venceu na noite desta quinta-feira o Santa Cruz de Santa Rita por 3 a 2 e chegou aos seis pontos conquistados. E foi de virada. Com ares de dramaticidade. Porque nem mesmo depois que o clube de João Pessoa fez três gols teve paz. De tempos em tempos o rival atacava com perigo e obrigava o goleiro Genivaldo a fazer belas defesas. E no fim, o Santa ainda diminuiu, apenas para deixar claro como o jogo foi duro.
Tácio, pelo Santa, abriu o placar. Depois o Belo anotou com Warley, Ferreira e Pio, sendo este último de pênalti. No fim, o time de Santa Rita assinalou um com Maceió, de cabeça. Finalizando o placar de 3 a 2.
O Botafogo agora é o quarto colocado. Tem seis pontos e está empatado com o Treze, mas perde no saldo de gols. O time está atrás ainda de Sousa e Campinense, que têm sete pontos e atualmente ocupam a zona de classificação.
O Santa Cruz, por sua vez, segue sem pontos nesta segunda fase. Três derrotas em três jogos. Empatado apenas com o Auto, que também está sem pontos.
Na próxima rodada, o Santa volta a jogar “dentro de casa”, quando enfrenta o Atlético de Cajazeiras às 15h30 de domingo no Estádio Almeidão. Já o Botafogo tem o clássico contra o Treze, no Estádio Amigão, em Campina Grande. 
Santa Cruz x Botafogo-PB, Estádio Almeidão (Foto: Hévilla Wanderley / GloboEsporte.com/pb)Santa Cruz x Botafogo-PB, Estádio Almeidão (Foto: Hévilla Wanderley / GloboEsporte.com/pb)
Empate no primeiro tempo
O curioso na partida é que o Botafogo começou o primeiro tempo demonstrando amplo domínio sobre o Santa Cruz. O time de João Pessoa atacava de forma feroz, sem deixar o rival respirar e dando a clara impressão de que o gol sairia a qualquer momento.
De fato saiu, mas em favor do Santa. Após lance de desatenção do zagueiro Magno Alves, que tentou um drible meio irresponsável em cima de Tácio. Este acabou levando a melhor, roubando a bola e avançando em velocidade. Chutou livre aos 13 minutos e fez 1 a 0.
O Belo não se abateu. E seguiu no ataque. Quase empatou no minuto seguinte, com Lenílson. E de fato empatou aos 18. Ferreira chegou em velocidade e chutou forte. O goleiro Osmar espalmou e no rebote Warley colocou no gol.
No resto do primeiro tempo, o Botafogo seguiu melhor. Atacava mais. Mas em muitas oportunidades o time de Santa Rita contra-atacava perigosamente. Mas a etapa inicial terminou sem novas alterações no placar.
Santa Cruz x Botafogo-PB, Estádio Almeidão (Foto: Hévilla Wanderley / GloboEsporte.com/pb)Jogo no Almeidão teve cinco gols e foi de muito trabalho entre os goleiros (Foto: Hévilla Wanderley / GloboEsporte.com/pb)

Virada no segundo tempo
A escrita da etapa final seguiu a mesma fórmula. Belo atacando mais. Santa Cruz contra-atacando sempre que podia e dando trabalho ao goleiro Genivaldo. Mas o clube pessoense teve um trunfo. Já que conseguiu a virada logo no primeiro lance ofensivo, aos dois minutos. 
O lateral Ferreira tocou para Warley, recebeu de volta e se viu de frente do goleiro Osmar. Ele chutou com extrema qualidade e precisão e fez 2 a 1. Fazendo a festa da torcida do Botafogo.
O segundo tempo seguia com boas atuações dos dois goleiros. Mas a bola só voltaria a entrar aos 40 minutos do segundo tempo. E de pênalti. Pio foi para a cobrança e ampliou para o Belo.
Apesar do equilíbrio da etapa final, o Belo ia se safando e conquistando a vitória. Mas ainda teria tempo para um último susto. Em cobrança de escanteio de Tácio, Maceió subiu sozinho para diminuir. Gol aos 44 minutos e fim de jogo logo depois. Para alívio botafoguense.
Fonte:Globoesporte.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.