#BBB14 – Falando de Paredão (Marcelo, Tatiele)

Tatiele sobreviverá ao Primeiro Paredão? (foto reprodução Globo)

por @GiseleSantos_

Ninguém suporta mais esse BBB14. Em todos os sites, blogs, redes sociais, a pergunta é unânime: quando vai acabar?
Dia 1 de abril, mas parece que não chega nunca. Enquanto isso, continuamos assistindo a essa mentira…

Falando dos emparedados

Marcelo (Sexto Paredão)

Estava lendo a análise sobre o Marcelo, do dia 24 de janeiro, aqui no blog. Se desde aquele Paredão tivessem eliminado esse cara, com certeza a final do BBB14 e o decorrer do programa teriam sido muito melhores. O mesmo serve para a Angela.
Cansei de falar aqui no Blog e no Twitter e no Facebook, desde o início do BBB: Marcelo faz um personagem de moço bom, mas a máscara sempre cai e ele mostra como é violento – com nítidos distúrbios psicológicos. A edição está até usando a música do filme “Psicose” quando o paranaense entra em cena.
O jogo do ‘coitadismo’ de Marcelo continua. Ele já sacou que esse teatrinho dá resultado, pois volta dos Paredões seguidamente. Marcelo esfrega os olhos com força pra fingir um choro, olha para as câmeras, se isola. 
Marcelo adotou a frase “daqui não saio”. Estufa o peito e repete isso aos quatro cantos. Claro que ele tem essa prepotente certeza! Quebrou a casa, sem punição alguma da direção, e voltou do Paredão. Ele acha que está certo. E pelo jeito continuará imaginando isso, pois as parciais das enquetes mostram sua permanência pela sexta vez.

Tatiele (Primeiro Paredão)

Se refugia o tempo todo no papel de loura burra, mas o veneno sempre correu solto ao lado do affair Roni e do melhor amigo Marcelo. E também com Amanda, Vanessa e Clara. 
Faz a personagem que fala errado e finge que não sabe muita coisa, só pra garantir na edição o papel da pessoa divertida. Mas quem seguiu vários momentos mais tensos do programa, percebeu como Tatiele começou a falar corretamente, perdeu o sotaque e até a expressão facial mudou.
Tatiele teve ao seu lado a sorte. Faturou imunidades, prêmios (inclusive carros). Fora isso, ficou escondida boa parte do programa atrás de Roni e evitou Paredões. Foi muito esperta, pois enquanto o foco era os erros alheios – com ela jogando mais lenha na fogueira – o pessoal da casa ia deixando a planta de lado e esquecia de votar nela.
A miss de Cia Norte agora prova do mesmo veneno, foi com um amigo pro Paredão. Ela não teve dó nem piedade em jogar o casal FranGo e vários amigos na berlinda. E ela chora por isso, mas na verdade nem é muito por ter sido emparedada com Marcelo, e sim por saber que ele pelo jeito já venceu o BBB e sua estreia no Paredão deverá ser fatal.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.