Apesar de protestos contra Moyes, United goleia com dois de Rooney

David Moyes sobrevive. Apesar do protesto inusitado contra o treinador escocês, o Manchester United derrotou o Aston Villa, neste sábado, por 4 a 1, no Old Trafford, pela abertura da 32ª rodada do Campeonato Inglês, e deu ao menos um pequeno tempo na crise.

Wayne Rooney foi novamente o grande nome dos Diabos Vermelhos. Após marcar dois gols contra o West Ham, o atacante repetiu a dose e foi o grande destaque também ao anotar duas vezes – uma em cabeçada após cruzamento de Kagawa e outra em pênalti sofrido por Juan Mata – Westwood, em cobrança de falta, havia aberto o placar. 
Rooney comemoração jogo Manchester United contra Aston Villa (Foto: Getty Images)Wayne Rooney contribuiu com dois gols: United pega o Bayern na próxima terça-feira (Foto: Getty Images)


O espanhol, por sinal, fez o primeiro gol com a camisa do United – o terceiro dos donos da casa -, em lance confuso. Ele é a maior contratação da história do clube (custou R$ 146,5 milhões em janeiro). O mexicano Chicharito Hernández completou já nos acréscimos.

O clima era de apreensão antes de a bola rolar. Um grupo de torcedores dos Diabos Vermelhos contratou um avião para passear com uma faixa pedindo a saída de David Moyes. Na mensagem, havia uma ironia com o fato de o escocês ter sido o escolhido pelo antecessor Alex Ferguson para substituí-lo. Em vez de “Chosen One”, estava escrito “Wrong One” (O Errado).
Faixa David Moyes Manchester United Old Trafford (Foto: AP)Faixa pede para David Moyes deixar o Manchester United (Foto: AP)


Foi a maneira mais curiosa de atacar o suposto grande vilão do momento. O Manchester United faz a sua pior campanah na história da Premier League e só tem chances de título na Liga dos Campeões, embora nem o mais otimista dos torcedores acredite numa conquista – o time precisa eliminar o atual campeão Bayern de Munique nas quartas de final.

O resultado manteve os Diabos Vermelhos, campeões na última temporada, na sétima colocação, com 54 pontos. O Arsenal, último classificado para a Liga dos Campeões, soma 63 pontos – e tem um jogo a menos. O líder é o Chelsea, com 69 pontos. O Aston Villa é o 12º, com 34.
Juan Mata comemoração jogo Manchester United contra Aston Villa (Foto: AP)Juan Mata marcou o seu primeiro gol com a camisa do Manchester United (Foto: AP)
Fonte:globoesporte.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.